Centro Educativo da Roliça já tem terreno

Centro Educativo da Roliça já tem terreno

Centro Educativo da Roliça já tem terreno

A Câmara Municipal do Bombarral e a Sociedade Agrícola da Quinta da Freiria assinaram esta Quarta-feira, dia 16 de Setembro, um protocolo de colaboração para a cedência do terreno para a construção do Centro Educativo da Roliça.

Depois do Centro Educativo do Bombarral, que já se encontra em processo de adjudicação e terá um custo de cerca de 5 milhões de Euros, a autarquia dá assim mais um passo decisivo rumo à construção do da Roliça. Com um investimento de mais de três milhões de euros, este último estabelecimento de ensino reúne já as condições para se poder lançar o concurso público.

Globalmente, o concelho do Bombarral vai contar com um investimento, ao nível da educação, a rondar os 16 milhões de euros, se à construção dos dois referidos centros educativos juntarmos a modernização das escolas Fernão do Pó e Secundária, obra já iniciada e que conta com um investimento da Administração Central de cerca de 8 milhões de euros.

“Com mais este passo o Bombarral está a caminhar para que num curto espaço de tempo possamos ter no concelho estruturas educativas mais modernas e inovadoras”, referiu o presidente da Câmara Municipal, Luís Camilo Duarte, salientando que este volume de investimento vem garantir que alunos e professores “vão ter as condições ideias para fazer a sua caminhada educativa”.

O edil deixou igualmente uma palavra de agradecimento à Sociedade Agrícola da Quinta da Freiria “pela disponibilidade que teve para com o Município de forma a criar as condições para dar corpo a um dos principais projectos que vamos implementar de imediato, neste caso o Centro Educativo da Roliça”.

Em representação a Sociedade Agrícola da Quinta da Freiria, o Prof. Chaveiro Soares, Administrador do Grupo Valouro, começou por expressar a sua “satisfação pela assinatura deste protocolo, certos da responsabilidade social que incube à Sociedade Agrícola da Quinta da Freiria e do corresponder ao empenho que o senhor presidente da Câmara do Bombarral tem posto nesta causa”.

Aproveitou ainda para endereçar ao presidente da edilidade uma palavra de “apreço por toda a colaboração que nos tem sido dispensada pela Câmara Municipal do Bombarral no âmbito das nossas iniciativas empresariais neste concelho”.

O Prof. Chaveiro Soares finalizou a sua intervenção afirmando que “a Sociedade Agrícola da Quinta da Freiria tem muito orgulho em estar presente e está muito satisfeita por termos chegado a um acordo, que nos parece satisfatório para ambas as partes, mas que sobretudo será benéfico para as crianças do nosso concelho”.

Ler notícia completa: Câmara Municipal do Bombarral - 18 de Setembro de 2009